17 jul 2014

Decoração – Mania de nuvem


A hora de decorar o quarto do nosso pequeno é um dos melhores momentos antes do nascimento, não é mesmo? Eu tenho visto muita decoração bacana e uma tendencia para os quartinhos dos pequenos é a utilização de nuvens que vai desde móveis, a almofadas, como luminárias e muito mais. Veja abaixo algumas referecias super bacanas.

Como luminária

nuvem 2

Almofadas

nuvem 3

nuvem 4

tapete

nuvem 5

Porta revista e livros

nuvem 6

Luminária, so cool

nuvem 7

nuvem

nuvem 11

nuvem8


03 jul 2014

Casa Cor SC – Quarto Concept Baby


Mamães estamos sempre tão acostumadas à vermos quartos de bebê estilo provençal ou bem fitinhas e rococós, não é mesmo? Na mostra Casa Cor de SC deste ano o quarto de bebê me chamou atenção. O quarto planejado pelas arquitetas Maíra Queiroz e Vanessa Faller, do escritório Espaço do Traço Arquitetura, de Florianópolis fez eu me apaixonar. Primeiro porque o estilo delicado passou longe da proposta das arquitetas, que na minha opinião, embora bastante ousado foi muito feliz!

Segue abaixo um release que explica um pouco deste projeto tão inovador, inclusive incluindo as referencias e os materiais utilizados, o que poderá ajudar muitas mamães que gostarem do estilo, a usar como referencia para o quarto de seus pequenos.

DSC_1190

DSC_1192

DSC_1197

DSC_1198

DSC_1202

DSC_1205

Amei este cantinho de leitura e brincadeiras

DSC_1212

DSC_1214

DSC_1216

DSC_1219

DSC_1221

 

DSC_1230

DSC_1239

DSC_1248

DSC_1253

Este berço e luminária é da Ameise Design que eu amo, inclusive de onde é o berço do quarto do Bernardo

DSC_1254

** fotos: Lio Simas

Como o próprio nome já deixa claro, o Concept Baby será um ambiente conceitual. “A ideia é apresentar um projeto completamente original, saindo do lugar comum de quartos de bebê. A proposta lança mão de cores inusitadas neste tipo de ambiente, como o preto e o cinza, em uma linguagem contemporânea e ousada”, anuncia a arquiteta Vanessa Faller.

O uso abundante do preto é uma grande provocação. O bebê ainda não sofreu influência da cultura que inflige que preto é uma cor ameaçadora, pelo contrário, ele acabou de sair do escurinho do útero de sua mãe. “Queremos mostrar que, principalmente em um ambiente grande, o preto pode tornar o espaço aconchegante. No caso, ele serviu para atribuir profundidade e ajudar a destacar os elementos decorativos do projeto, conferindo sofisticação ao décor”, explica Maíra Queiroz. Em oposição à seriedade do preto, a opção pelo degradê de tons azulados segue a tendência do ombré e lança mão do esmeralda, uma das cores do ano de 2014.

Um mundo dentro do ambiente

Sendo um quarto infantil, a decoração não poderia deixar de ser lúdica. “Buscamos implementar em cada detalhe um elemento que possibilite uma interação com a criança”, dizem. Um tapete que remete à grama e outro que tem uma amarelinha impressa; os pufes de tricô que, pelo formato e tom de cinza, lembram pedras; a cama está inserida em um palco para os futuros teatrinhos; as paredes são laváveis, possibilitando que as crianças se expressem sem deixar os pais de cabelo em pé; a parte de baixo do armário é feita de caixas com rodízios, revestidas de fórmica de quadro negro, o que possibilita aos pais representarem o que pode ser guardado em cada uma para que a própria criança aprenda a organizar seus pertences; as luminárias de nuvens; os cabideiros em forma árvores; o balanço ao lado da árvore. São elementos lúdicos e que representam a natureza.

Método Montessori

As arquitetas buscaram referência em Maria Montessori, uma educadora e médica italiana do início do século 20 que desenvolveu um método educativo por meio da prática com crianças, que é usado em escolas até hoje. Recentemente, o método montessoriano também foi adaptado para o ambiente familiar. Montessori prima pela liberdade, respeito, autonomia e auto-educação da criança, através de um ambiente preparado. “Por isso, um quarto com inspiração no método Montessori busca atender às necessidades da criança, não do adulto”, explica Pricila Reis Franz, consultora do escritório sobre Montessori.

Um ambiente preparado permite que o bebê ou a criança se movimente livremente e manipule os brinquedos e materiais sem interferência do adulto. O método também valoriza a beleza estética (utilizando objetos que apresentem texturas diferentes como madeira e tecidos, e evitando o plástico) e a organização do ambiente, optando por poucos elementos no ambiente, para ajudar a criança a ser centrada. Uma criança acostumada com essa pedagogia vai naturalmente buscar a organização de seu quarto, vendo-o tão agradável aos olhos.

Humor e muita criatividade

Como marca registrada do escritório Espaço do Traço, uma pitada de humor sempre surge nos projetos. Fazendo uma alusão ao já conhecido lema de uma marca de whisky,  para um bebê nada mais adequado do que o leite materno: keep calm and drink mom’s milk. Esta frase aparece impressa em um quadro.

Os objetos decorativos completam o tom despojado do ambiente: cabeças de animais em MDF e papelão nas paredes, molduras aplicadas sobre a parede lavável permitem que as imagens e anotações sejam sempre trocadas; brinquedos retro e outros em materiais e design contemporâneos; a luminária de piso com pés de pato e a cúpula deslocada; entre outros brinquedos educativos também estão no Concept Baby.

O cantinho de brincar, composto pelo tapete de grama, o balanço e a árvore remetem ao quintal, lugar onde qualquer um se sente à vontade. Nos cabideiros em forma de árvore, os porta-retratos pendurados remetem a uma árvore genealógica, o que fomenta uma ligação entre a criança e as raízes de sua família.

Mobilidade e independência aos pequenos

Tendo como referência conceitos do método Montessori de educação, o ambiente favorece a mobilidade e independência dos pequenos: tudo ao alcance da vista e das mãos: caixas identificadas baixas, paredes que permitem serem desenhadas, espelho na altura da criança e estantes de livros baixas.

O Berço tem uma posição estratégica no ambiente.  Tendo uma meia parede amadeirada atrás como pano de fundo e as nuvens flutuando sobre ele, o berço se destaca entre os outros mobiliários. Com um design arrojado, esta peça da um toque ainda mais único ao décor.

A meia parede que enquadra o berço também divide os espaços.  Após a área de descanso segue a área de banho. Uma bancada em Corian, com banheira embutida, trocador sobre a tampa de correr e nichos que deixam os produtos e acessórios a mão, são elementos inovadores para este tipo de uso. “Além deste diferencial, entendemos que o corian é o produto perfeito para o uso, já que possui cantos arredondados e reduz a proliferação de fungos e bactérias, garantindo a segurança do bebê”, afirmam as arquitetas.

Outro elemento de segurança é o uso de um controle de termostato que fixa a temperatura escolhida para o banho em todas as vezes que a ducha manual for utilizada. A mistura de elementos retro e cosmopolita gera uma linguagem nada usual para este tipo de espaço. Peças de design assinado, como a estante Tropicália da Schuster, que também exerce a função divisória, terão grande destaque.

Pensando em termos da sustentabilidade, a proposta apresenta um ambiente que atenderá o bebê ao longo de seu crescimento, evitando assim desperdícios oriundos de obra e descarte. Além disso, o uso de materiais certificados, iluminação eficiente e produtos de empresas locais aliam o espaço aos conceitos sustentáveis.

Materiais adotados

Piso vinílico – Ideal para quartos infantis devido a sua textura e facilidade de manutenção. O padrão Durafloor Aspen, fornecido pela Portobello Shop, casa com a matriz de cores utilizadas.

Metais – Por se tratar de uma banheira para bebê, o misturador termostato Quadratta Clássica (2430 C 85) da Deca oferece uma segurança fundamental para este tipo de situação. Com ele, o usuário define a temperatura em um misturador e a fixa como padrão todas as vezes que alguém acionar a Ducha Manual Cilíndrica (4806 C CIL) também da Deca. Isso pode evitar acidentes pelo excesso de temperatura.

Corian – O corian na bancada foi proposto por ser um material asséptico. A facilidade de limpeza e manutenção torna este material ideal par alocais onde a higiene é fundamental. Além disso, a liberdade de formas e design torna possível a criação de peças que antes seriam de difícil produção

Automação – A iluminação totalmente controlada pelo sistema de automação possibilita a criação de diferentes cenários. Desde um intimista que auxilie na hora de ninar e amamentar, à luz potente, para acelerar o metabolismo do bebê.

Estante Tropicália – Do design Fetiche para a Schuster, é uma peça de design nacional, explora os contrastes entre texturas, formas e materiais, buscando o equilíbrio entre o natural e o artificial. Inspirado no desenho das colmeias, porém criando maior fluidez entre as formas, a estante forma um padrão modular que serve de divisória entre o hall de entrada e o quarto, guardando um pouco da surpresa durante o desbravamento do circuito. As cores da estante serviram de base para as do armário.

Berço Ameise – Peça desenvolvida em um estúdio de São Paulo e personalizada especialmente para a mostra. Com um design limpo e criativo, a marca também forneceu os cabideiros árvores e a luminária de piso.

Marcenaria sob medida – desenhado pelo próprio escritório, o armário com portas de módulos de laca em diversos tons de azul é um grande atrativo do espaço.  A cama fica emoldurada por um painel de MDF amadeirado que simula um palco, para que a criança possa soltar a imaginação quando mais crescida. A parte de baixo do armário é formada por caixas com rodízios, revestidas de fórmica de quadro negro, o que possibilita aos pais representarem o que pode ser guardado em cada uma, para que a própria criança aprenda a organizar seus pertences ou até mesmo para que faça a sua representação.


21 mai 2014

Decoração, quartos menino e menina


Mamães, sempre uma das partes mais gostosas da gravidez é quando começamos a pensar o quarto dos nossos pequenos, cores, formatos, móveis e muito mais… Este post trará algumas inspirações para quando nossos pequenos saírem dos bercinhos e forem para caminhas. Eu adoro tudo bem colorido e vc´s??

Bjo, bjo

q

quanto menina

quarto azul

quarto azul barco

quarto boy bear

quarto cinza

quarto lilas

quarto navi

quarto vermelho

quarto vintage

 

* fonte: Pinterest


13 mar 2014

Quartos P&B


Mamães,  quando pensamos na decoração e nas cores dos quartos dos pequenos normalmente o que nos vem a mente são os tons pastéis e muitos laços e rococós, não é mesmo? Com a moda ditando tendencia em tantas áreas que vão desde desenvolvimento de produto, decoração entre outros o hit que aparece em quase todas as estações, a famosa combinação do P&B (preto e branco), chegou ao quarto dos pequenos, e não é que fica bacana! Vejam abaixo algumas das referencias que eu achei e me agradaram muito, e que certamente poderiam servir de espiração para muitas mamães mais moderninhas.

Bjo, bjo

AAA

AAA2

AAA3

AAA6

AAA10

AAA4

AAA8

AAA11

AAA5


10 jan 2014

Quartos infantis


Mamães, está com dificuldade de espaço no quarto do pequeno? Veja esta opções que bacanas..

Bjo, bjo

7f91ebf4e276f6cfffe7389bec8e2d9d

 v

o

m

i

b

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...
Página 2 de 1012345...10...Última »