14 mar 2016

Dicas para ajudar seu pequeno com a lição de casa


Olá Mamães, olha que artigo bacana eu recebi do Playkids, tem tantas mães que ficam em dúvida como proceder na hora de ajudar seus pequenos a fazer a lição de casa, as dicas a seguir poderão ajudar muito nesta fase.

ea

“…As aulas voltaram pra valer e, com elas, novos desafios se apresentam na vida escolar dos pequenos. Se o seu filho já avançou alguns estágios da educação infantil, a lição de casa começa a fazer parte do dia-a-dia. Pode variar de escola para escola. Mas na maioria delas, a lição é introduzida como uma tarefa rotineira quando os alunos têm por volta de 4 ou 5 anos.

Em geral, funciona como uma atividade complementar. Espera-se que, assim, a criança sistematize o conteúdo aprendido em sala de aula. Também tem o objetivo de incentivar a criação do hábito de estudar além do período escolar. Mas agora que a escola começa a ganhar ares de “coisa séria”, qual o papel dos pais nesse processo? E, o mais importante, o que eles podem e devem fazer para ajudar? Veja algumas orientações a seguir.

Estabeleça um local adequado

Antes de mais nada, é importante que a lição seja feita num espaço favorável à concentração. Não dá para fazê-la na mesinha de atividades que a criança tem na sala de casa, em frente à TV. Você pode até aproveitar este momento para fazer um “rito de passagem”, pontuando para o seu filho que ele está crescendo e precisa de uma escrivaninha, por exemplo. Se possível, pode ser divertido executar uma mudança no quarto dele, garantindo um local atraente e adequado para esse momento.

Determine um horário fixo

A tarefa tem de ser feita sempre num mesmo horário, pois isso ajudará a criança a incorporar a lição de casa na rotina de maneira tranquila. Se o seu filho chega da escola muito cansado, é melhor deixar a lição para o dia seguinte. Mas siga sempre o mesmo ritual. Não deixe a criança livre para determinar quando irá fazer a lição. Uma dica que funciona é a construção do “quadro da rotina”. Vocês podem fazê-lo em conjunto, usando símbolos, figuras e desenhos. Este quadro deve ser colocado num lugar de fácil acesso, como a porta da geladeira. Ele costuma ajudar a família a administrar o tempo, além de ir ensinando a criança a dar conta das próprias responsabilidades.

Ajude a criança a organizar o espaço

A organização do espaço é fundamental para tornar o ambiente escolhido favorável à tarefa. Ninguém nasce organizado e nem aprende da noite para o dia! É preciso auxiliar as crianças a desenvolver tal habilidade, assim como a serem cuidadosos com as próprias coisas. Que tal manter um estojo exclusivo para a lição de casa? Incentive-a também a pegar o material da lição (seja livro, apostilha, folha) antes de começar e guardá-lo ao final. Além da autonomia, essas atitudes simples vão ajudá-la a diferenciar o momento da brincadeira e o da “obrigação”.

Confie na escola (e siga as orientações dela)

A parceria pais e escola é essencial! As condutas devem estar alinhadas para que a criança consiga caminhar. Sendo assim, mantenha-se informada e participe das reuniões escolares para compreender o contexto da lição de casa, bem como a maneira que a escola conduz o processo de aprendizagem. Você com certeza se sentirá mais segura para auxiliar o seu filho, se estiver ciente dos objetivos que a escola pretende alcançar com os exercícios complementares enviados para casa.

Deixe a criança trabalhar sozinha

Exato! Você pode reler com seu filho o enunciado da lição para reforçar o que foi proposto, ainda que a professora certamente já o tenha explicado em classe. No entanto, jamais dê as respostas prontas. Caso contrário, pode “atropelar” a construção do raciocínio do seu filho. Muitas vezes, o ideal é tirar as dúvidas com a própria professora. Claro que interessar-se pela vida escolar do seu filho é fundamental, o que não significa fazer as coisas por ele. O seu papel é ser um agente facilitador nesse caso, mas não o autor da história dele. Permita, então, que ele seja construa o próprio caminho de descobertas!”

 

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

Deixe seu comentário