01 dez 2014

Os caprichos do meu pequeno de 1 ano e 10 meses – Diário de bordo


BF

M-A-M-Ã-E-S – S.O.S, preciso de ajuda!!!! Queridas leitoras como está difícil esta fase do meu pequeno Bernardo, ou como tenho chamado eles nestes últimos dias, meu pequeno terrorista rs rs rs… Como é difícil educar uma pessoinha e mais ainda, impor limites, ensinar o certo e o errado, dizer o que pode e o que não pode fazer, para um ser de 1 ano e 10 meses muito inteligente e chio de vontades.

Este último bimestre tem sido terrível com o Be, o meu pequeno até então calmo e amável, tem se transformado num menininho chatinho, chorão e que se recebe um não faz birra se joga no chão e quer bater no nosso rosto. Independente das reações dele, todas as vezes que isso acontece eu o repreendo, mas até que ponto esta minha atitude é efetiva? Pois infelizmente ele continua do mesmo jeito.

Ontem fui levá-lo para ver papai noel no Shopping JK, como ele está apaixonado pelo tal do Papai El, chegando lá fomos direto para o local onde as crianças iam sentar e entregar suas cartinhas ao bom velinho, já na espera, na fila que por sinal estava enormeeee, o Be já começou a me dar trabalho e me fazer passar vergonha. Queria passar na frente de todas as crianças sem respeitar a fila, eu expliquei algumas vezes que ele precisava esperar a vez dele, mas a audição deles neste momento fica totalmente seletiva e eles só escutam o que querem. então como não consegui atender sua vontade, começou a gritar e se jogar no chão. Nesta hora eu o peguei no colo e o repreendi, -” Filho, vc quer ver o papai noel, então precisa esperar a sua vez, tem outras crianças assim como vc que também querem falar com ele”. Vc´s acham que adiantou, claro que não. Ele continuou a fazer manha e querer se jogar no chão. Foi quando o peguei no colo e ele me deu um tapa no rosto. Aonde será que ele aprendeu isso, não vê ninguém fazendo isso em casa, e ainda não está na escolinha?!?! Fico tão chateada quando isso acontece :(

Sou uma mulher muito enérgica, as pessoas que me conhecem normalmente dizem que sou ligada na tomada 220v, sei que este meu jeito deve acelerar meu pequeno, mas o que posso fazer, desde que o Be nasceu tento me controlar, confesso que já melhorei muito, mas uma mudança radical, infelizmente só se eu morresse e nascesse de novo.

Quando chegou a hora dele conversar com o Papai El, foi um lindo queria dar beijo, as atendentes se apaixonaram por ele, mas eu que passei aqueles 25 minutos com ele na fila daquele jeito, sei o que passei.

Tenho lido bastante a respeito e em todos os sites que entro, vejo que este tipo de reação é normal, que muitas das crianças tem este tipo de comportamento quando são contrariadas ou contestadas, mas até que ponto o Be é assim por conta disso ou pelo meu jeito muito ativo?!?!

Enfim, este é o desabafo de uma mãe loucamente apaixonada pelo seu filho, mas que assim como muitas outras, passa por grandes dificuldades e transformações com a mágica tarefa de educar um serzinho.

Bjo, bjo

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

2 Comentários

  1. Inês leal disse:

    Amiga é super normal…está a testar os limites! E é nesta altura que os tens de colocar senão qualquer dia ele manda em ti!! Já leste um pediatra..brazelton ? Ele explica bem esta fase…o melhor que tens a fazer (custa mas é o melhor!) é tentar ignorar…se ele fizer birra finge que não das importância ….é difícil mas se ele entender que isso te stressa vai fazer pior!!..calma …respira fundo e conta até 3…. E uma boa palmada na hora certa (quando ele te bater) não faz mal a ninguém! …a Sara quando se irrita morde toda a gente (dou-lhe uma palmada pequena na boca!)…

  2. Camila disse:

    Fe isso é muito normal. Antes de eu ter filho, quando eu ia ao shopping e via aquelas crianças se jogarem no chão eu sempre pensava “nossa, essa mãe deve ser uma frouxa, meu filho nunca fará isso!”
    Ahahaha na primeira x q Otavio fez isso eu tbm nao sabia onde me enfiar!
    Quanto às birras no shopping das 2 , 1:
    - ou vc repreende ele bem seca e leva embora na hora, assim ele aprende que ou se comporta ou vai embora
    - ou finge que vai embora e vai saindo até ele parar,
    Eu particularmente pegava ele e ia embora pq tenho medo de deixar crianças soltas em shopping. Tbm sou energética como vc e isso gera sim uma ansiedade neles! Mas assim como vc nao sei ser diferente! Ja melhorei mas to longe de ser o ser mais paciente do universo! Não deixa ele te bater.
    Poe ele no carro e vai falando no caminho: Bernardo , mamae esta muito brava com vc .
    Jajá ele entra nos eixou , está so testando os limites!
    Mil bjs
    Cami

Deixe seu comentário